Saúde da Mulher

Quando procurar um dermatologista? Entenda aqui!

setembro 12, 2019
Tempo de leitura 6 min

Engana-se quem acredita que o dermatologista é quem cuida apenas da pele — o maior órgão do corpo humano. Essa especialidade é muito ampla, abrangendo os cabelos, unhas e todos os tecidos que podemos classificar como epiteliais. Desse modo, o cuidado do médico vai além do que imaginamos. 

Essa área da medicina atravessa a estética, trazendo qualidade de vida ao paciente, junto do aumento da autoestima. Dessa forma, cabe ao profissional diagnosticar doenças, avaliar linhas de expressão, manchas, unhas quebradiças, quedas de cabelo, além de realizar cirurgias e prescrever medicamentos.

Por isso, saber quando procurar um dermatologista é fundamental para manter a saúde em dia. Neste post, listamos alguns casos em que um profissional dessa área deve ser consultado. Acompanhe e confira!

Cuidados com a pele

Esse é um dos motivos mais comuns pelos quais uma pessoa resolve procurar por um dermatologista. O médico especializado nessa área é capaz de ajudar você a entender as particularidades de seu tipo de pele e descrever os principais cuidados.

Alguns dos casos recorrentes são o tratamento de acne, melasmas ou demais manchas na pele, que influenciam na autoestima do paciente. O profissional poderá indicar cremes, sabonetes, protetores, entre outros produtos específicos.

Unhas fracas, manchadas ou quebradiças

Quando perceber que suas unhas estão fracas, com manchas ou alterações incomuns, e até mesmo que estão se quebrando ou escamando facilmente, vá em busca de um dermatologista, pois esses sintomas podem indicar várias doenças como micose, psoríase, anemia e problemas na tireoide.

Se você notou que as suas unhas alteraram o formato ou a cor, também é necessário a visita ao médico, pois esse tipo de mudança pode indicar diabetes, problemas cardiovasculares, respiratórios e outras situações que podem ser evitadas se diagnosticadas com antecedência.

Queda de cabelo

É normal que seu cabelo caia com o passar do tempo, principalmente se você for homem. Além do mais, é comum a queda de, em média, 120 fios ao dia. No entanto, se você vem percebendo um comportamento fora do habitual, está na hora de ir atrás de um dermatologista.

Essa queda pode ser originada por alterações hormonais, principalmente pós-parto, por micose, alterações na tireoide e até mesmo síndrome metabólica. Em casos extremos, pode ser que o profissional encaminhe você para outro especialista, mas antes você precisa passar por ele para receber o diagnóstico correto.

Problemas com sudorese  

Não é nada confortável ficar excessivamente suado em qualquer ocasião, principalmente se isso traz problemas, constrangimento e vergonha a você. Por mais que a transpiração seja algo normal do corpo humano, quando perceber que o suor está em excesso ou atrapalhando as suas atividades, é muito interessante agendar uma consulta com um dermatologista.

Uma maneira de descobrir que o seu caso está fora do comum é observando sinais como marcas de suor frequentes nas roupas ou mãos constantemente molhadas. A hiperidrose é a condição conhecida por estar com sudorese em excesso, até mesmo se estendendo ao couro cabeludo e pés, trazendo desconforto ao paciente. Entretanto, por meio da avaliação clínica, esse problema pode ser tratado.

Manchas no corpo ou pintas suspeitas

A maioria das manchas ou pintinhas que temos no corpo é considerada benigna, no entanto, elas também podem indicar que algo errado está acontecendo no nosso organismo. Porém, somente o dermatologista poderá identificar esses riscos e até mesmo avaliar se os sinais de sua pele estão mudando de tamanho, cor ou formato. 

Além disso, aquelas feridas que não cicatrizam ou lesões que, por muitas vezes, sangram também podem indicar a gravidade de alguma doença, como o câncer de pele. Um profissional dessa área é capaz de diagnosticar esse fato corretamente.

Estrias, rugas, celulites e flacidez  

Imperfeições estéticas, gordurinha localizada, rugas no rosto, braços flácidos, estrias pelo corpo são alguns dos problemas que incomodam a maioria das pessoas e, para isso, existem inúmeros procedimentos disponíveis.

No entanto, a consulta prévia com um dermatologista pode ser útil para que você encontre o tratamento e suporte adequado ao seu corpo. Além disso, a maioria dos processos estéticos precisam de supervisão médica para evitar maiores transtornos na qualidade de vida do paciente. 

Odor nas axilas e pés 

Existem poucas coisas piores que tirar o sapato e sentir aquele mau cheiro ou levantar os braços e perceber que, mesmo usando desodorante, o odor do suor atingiu níveis insuportáveis, não é mesmo? 

Geralmente, a transpiração não apresenta cheiro, mas as bactérias localizadas na pele se alimentam desse líquido e, por sua vez, produzem substâncias que liberam um aroma desagradável, por esse motivo usamos sabonetes, desodorantes e afins.

Porém, mesmo usando produtos de higiene, existem algumas pessoas não conseguem se livrar desse mau cheiro, o nome dessa condição é chamada de bromidrose — secreção e suor que se tornam fétidos pela decomposição de bactérias originadas da pele. O dermatologista é muito útil, nesse caso, para encontrar o tratamento adequado para o problema.

Alteração na pele, cabelo, unhas entre outras extensões 

Qualquer tipo de alteração na pele, unha, cabelo e pelos, incluindo mudanças no aspecto e comportamentos, indica a necessidade de consultar um médico especializado. A procura de um profissional da dermatologia é imprescindível em casos de:

  • queloides;

  • verrugas;

  • abcessos como pus, foliculites, furúnculos, ou outro tipo de lesões que contenham secreção;

  • aumento ou excesso de pelos;

  • descamações ou irritações no couro cabeludo;

  • nódulos;

  • cistos;

  • dermatite;

  • lipomas.

Como visto, assim como frequentamos o dentista, clínico geral, ginecologista, entre outros, devemos consultar um dermatologista. Procurar esse profissional é muito importante para avaliar, diagnosticar, prevenir e tratar inúmeras doenças, lesões e surgimentos de qualquer alteração na pele, cabelos, unhas e afins.

Por isso, esteja sempre atento às mudanças de seu corpo, a fim de saber exatamente quando procurar um dermatologista para manter a sua saúde em dia. Assim, além de evitar complicações, você ainda pode resolver problemas estéticos que lhe incomodam, não apenas garantindo o bem-estar, como também melhorando a autoestima. Por isso, não deixe de buscar um profissional apto e qualificado para atender às suas expectativas.

Gostou de conhecer a importância dessa especialidade médica no dia a dia? Então não deixe de entrar em contato conosco, da Partmed Saúde e Medicina. Teremos muito prazer em cuidar de você!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up