Plano de negócios: como fazer e quais erros evitar?

Tempo de leitura 6 min

Toda empresa precisa ter um plano de negócios muito bem estruturado para conseguir crescer e se perpetuar no mercado. Essa é uma ferramenta estratégica e muito completa que tem como objetivo avaliar a ideia de negócio e verificar se ela é realmente executável. Incluir informações atualizadas e verdadeiras são indispensáveis para que o resultado seja fiel e retrate a realidade da empresa.

Ao longo deste artigo, vamos demonstrar como você pode fazer um plano de negócios de forma prática e eficiente, evitando alguns erros na sua produção. Para dominar todo esse assunto, continue a leitura até o final. Vamos lá?

O que é um plano de negócios?

Logo acima, já foi feita uma breve introdução sobre o que é um plano de negócios e qual sua importância para as empresas. Porém, esse documento é muito mais que apenas um planejamento, pois ele impacta diretamente na sobrevivência de uma ideia empreendedora.

Um gerenciamento de forma eficaz e prática aumenta muito as taxas de sucesso. Por isso, o plano de negócios é organizado em seções bem definidas para facilitar a visualização de processos e informações que devem ser testadas no empreendimento.

Ele é muito importante ainda para a captação de recursos para a sua empresa. Isso ocorre porque, no estágio gestacional de um negócio, muitas pessoas não têm recursos suficientes para gerir operação. Afinal, nos primeiros meses e anos de um comércio, é muito provável que ele apresente pouco ou nenhum lucro líquido.

O plano de negócios também é eficaz para que você consiga conquistar sócios que invistam na sua ideia e para dar mais credibilidade à sua empresa. Todos esses fatos demonstram o quanto é importante organizar as informações e estratégias sobre os seu negócio por meio dessa ferramenta estratégica.

Como fazer um plano de negócios?

Agora que você já sabe um pouco mais sobre esse documento e da sua importância, vamos para a parte prática: como esquematizar a montagem de um plano de negócios. Para essa tarefa ser bem executada, é necessário que alguns passos sejam adotados. Continue a leitura para descobrir!

Análise de mercado

Conhecer bem o novo mercado em que se pretende atuar é vital para o sucesso de um negócio. É muito recomendado pesquisar previamente, por meio de análises de concorrentes ou conversas com clientes em potencial, sobre a situação de mecado. Isso possibilita tomar decisões estratégicas mais direcionadas e criar produtos que estejam correlacionados às expectativas e anseios do público consumidor.

Avaliação da concorrência

Os concorrentes existem em qualquer nicho de mercado. Isso não deve ser encarado como um problema, mas como uma forma de obter informações valiosas sobre o que está dando certo e o que dá errado para seus concorrentes. A partir disso, sua empresa pode oferecer soluções que não tenham os problemas de outras empresas. Isso ajuda a prospectar clientes e ganhar mais espaço no competitivo mercado nacional.

Análise de fornecedores

Os fornecedores são uma peça-chave para o bom andamento de uma operação comercial. Afinal, eles são responsáveis pelo fornecimento dos insumos ou a matéria-prima utilizada. Isso revela como é importante ter um cadastro de fornecedores atualizado e com parcerias de longo prazo para evitar contratempos e atrasos. Não se esqueça de deixar um espaço específico para esse campo no seu plano de negócios!

Plano de Marketing

Marketing é a alma do negócio. Com certeza, você já ouviu essa expressão anteriormente. Ela quer dizer que as ações de marketing são fatores fundamentais para a divulgação de uma empresa diante dos seus clientes em potencial. Dessa forma, é possível vender mais, fidelizar clientes e trazer muito mais receita para o empreendimento. No seu plano de negócios, é preciso que haja um bom detalhamento do marketing a ser realizado. Existem ações on e off-line que podem ser encaixadas na estratégia da empresa. Pense nisso!

Plano operacional

Muitas empresas vão à falência nos primeiros anos de vida. Isso é devido a uma falta de controle financeiro e operacional, revelando fraquezas na organização do negócio. Deixar passar despercebido gastos ou negligenciar a queda do número de clientes são só algumas das mais diversas situações que podem ocorrer. Tudo isso revela a necessidade em se ter um plano operacional bem definido e de acordo com as capacidades operacionais da empresa.

Quais são os principais erros no plano de negócios?

Ainda existem alguns erros que passam despercebidos durantes a criação de um plano de negócios que podem ser totalmente solucionados e evitados. Você sabe quais são eles? Veja a seguir!

Excesso de otimismo

Ser otimista é algo muito produtivo para a vida. Porém, ser assim sem ter fundamentos sólidos na sua empresa pode ser um grande risco. Sem informações e dados, não se pode contar com uma boa avaliação e expectativas favoráveis no curto prazo. Por isso, é preciso montar um cenário pessimista e otimista no seu plano. Isso possibilita que você saiba exatamente o que fazer em cada uma das situações.

Pouco conhecimento de mercado

Como dito anteriormente, é preciso estar bem ciente das características do seu mercado de atuação. A falta de conhecimento pode trazer inconsistências no curto e longo prazo para a empresa. Existem muitas informações na internet que possibilitam ao empreendedor se aprofundar no nicho de escolha. Estudar é a melhor solução para evitar erros!

Plano financeiro pouco detalhado

A parte financeira de um plano de negócios se assemelha ao coração em um organismo. Ou seja, sem ele não é possível sobreviver. Um estudo de viabilidade com os lucros futuros, margem operacional, custos fixos e variáveis são apenas algumas das métricas que precisam ser bem detalhadas. Procure organizar um fluxo de trabalho que permita entender o comportamento de gastos e capacidade produtiva da empresa em cada uma das etapas que ele passará.

O plano de negócios não é algo impossível de se fazer ou que deva ser negligenciado. Ao longo do texto, foi possível conhecer um pouco mais das características desse documento e do quanto é importante evitar erros durante a sua formulação.

Não se esqueça de compartilhar este post nas suas redes sociais para que seus amigos também conheçam um pouco mais desse temática!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Scroll Up