Entenda como lidar com o medo de ficar doente

Tempo de leitura 4 min

O medo de ficar doente é observado em muitas pessoas que passaram por situações traumáticas ou as testemunharam. É comum, também, que indivíduos com histórico de doenças na família vivam preocupados com a saúde. Logo, qualquer desconforto já é motivo para achar que se encontram enfermos. Porém, felizmente, a realidade não é bem assim.

Precisamos lembrar que alguns incômodos são sentidos por todos em determinados momentos. A questão é quanto tempo eles duram e qual a sua recorrência. Ainda, é importante ter em mente que nada substitui o diagnóstico de um profissional. Portanto, se você, de fato, preocupa-se com o seu bem-estar, não deixe de ir ao médico regularmente.

Neste post, vou dar algumas sugestões simples e úteis do que você pode fazer para evitar o medo de adoecer e viver melhor. Acompanhe!

Previna-se em vez de sentir medo de ficar doente

A maneira adequada de evitar as doenças é ter um estilo de vida saudável. Por isso, seguir os hábitos recomendados pelos médicos é o primeiro passo para preservar a saúde física e mental e mandar para os ares o medo de ficar doente. Quem não fuma e evita as bebidas alcoólicas em excesso, por exemplo, está propenso a viver mais e melhor.

De início, comece pela alimentação, optando por um menu saudável e equilibrado. Inclua muitas frutas, verduras e legumes em seu cardápio e reduza as gorduras. Da mesma forma, a prática regular de exercícios físicos sob supervisão faz bem à saúde, afinal, diminui o estresse, fortifica os músculos e melhora a capacidade cardiorrespiratória.

Ainda, é necessário fazer um check-up periódico para verificar se está tudo bem. Assim, é possível tirar dúvidas, certificar-se de que a saúde está em dia e viver de uma forma mais serena e menos receosa. Lembre-se de que problemas descobertos na fase inicial elevam as chances de cura e contribuem para uma recuperação mais rápida e tranquila.

Atente aos sinais emitidos pelo corpo

É claro que precisamos ficar atentos aos sintomas emitidos pelo nosso corpo. Dores, mal-estares, febre, manchas na pele são sinais que jamais podem ser ignorados, pois indicam que algo está errado. Durante uma consulta, sabemos se estamos com uma simples infecção, facilmente tratada, ou um problema mais complexo.

Seja qual for a situação, não há razões para se desesperar. O enfoque sempre deve ser dado ao tratamento e ao restabelecimento da saúde. Como já mencionado, as chances de sucesso são grandes quando procuramos ajuda médica logo no início de uma enfermidade. Em muitas situações, até mesmo doenças em fase avançada são curadas devido ao progresso da medicina.

Procure ajuda especializada, se o medo não passar

Há, no dicionário, uma palavra para definir o medo de ficar doente. Dizemos que uma pessoa nesse estado sofre de hipocondria. Aliás, não só a literatura médica aborda a questão — muitos literatos tratam do tema em suas obras. Logo, se você é adepto da leitura de grandes clássicos, pode ser que tenha se deparado com alguma história a respeito do assunto.

O fato é que o medo, muitas vezes, surge sem razão justificável. Uma epidemia fora do país, por exemplo, é suficiente para deixar uma parcela dos hipocondríacos extremamente assustada, principalmente aqueles que estiveram no exterior, embora não sintam os sintomas da doença. Se isso acontece com você, talvez seja o caso de procurar ajuda especializada.

A terapia é o tratamento indicado para pessoas que se sentem paralisadas só em pensar nas enfermidades. É necessário reconhecer as emoções ruins e lidar com elas, direcionando os pensamentos para áreas produtivas da vida, a fim de aliviar os sintomas. Porém, nem todos conseguem gerenciar os sentimentos e, por isso, necessitam de assistência.

O medo de ficar doente não é, exatamente, um sentimento prejudicial. De certo modo, essa é uma preocupação de quem tem consciência da importância da saúde em suas vidas. No entanto, se você se cuida adequadamente e passa por consultas regulares com o médico, não há motivos para temer. O melhor a fazer é aproveitar cada momento de forma responsável e ser feliz.

Gostou das dicas e gostaria de saber mais? Estou sempre postando novidades sobre saúde neste espaço. Siga-me no Facebook, no Instagram e no YouTube para ficar a par de tudo!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Scroll Up