Saúde da Mulher

Consulta com o pediatra: 6 dicas para se preparar

maio 23, 2019
Tempo de leitura 5 min

A primeira consulta com o pediatra é um momento único na vida do bebê e também dos pais. Em razão da grande importância tanto para a saúde da criança quanto da mãe, a ida ao pediatra não pode demorar e deve ocorrer, no máximo, em até dez dias após o parto. 

Sendo de grande expectativa, a dica é se preparar para o encontro com o médico, aproveitando para tirar dúvidas e tranquilizar o convívio com o recém-nascido. Como a rotina muda em todos os sentidos, o profissional poderá esclarecer situações do dia a dia, contribuindo com dicas e orientações que serão extremamente importantes. 

Com o objetivo de auxiliá-la nessa primeira consulta com o pediatra, elaboramos este post na forma de um verdadeiro guia, trazendo 6 perguntas e suas respectivas respostas que serão fundamentais às mamães. Contudo, antes, é preciso se organizar para não desperdiçar o tempo diante do médico. Confira! 

Prepare-se para a consulta 

A primeira dica é essencial: toda mãe deve se preparar para a primeira consulta com o pediatra. Por isso, anote as situações do dia a dia e coloque no papel ou na agenda do celular as dúvidas, e constatações que merecem uma explicação profissional. 

Converse com outras mães e peça dicas para você aproveitar com qualidade o momento com o médico. Entretanto, o principal mesmo é ficar de olho nas reações do seu bebê nos primeiros dias de vida, se ele está amamentando corretamente, se teve alguma alergia, se tossiu. Enfim, é preciso ter um olhar bem analítico para esclarecer todas as situações com o profissional especializado. 

No entanto, muitas mães ficam na dúvida sobre quais perguntas fazer ao médico nesse momento tão importante. Por isso, selecionamos 6 para você ficar mais tranquila. Vamos a elas! 

1. Quais são as vacinas que o meu bebê vai precisar? E para que servem? 

Essa é uma dúvida comum entre quase todas as mães. Apesar de ser uma preocupação verdadeira, todas as crianças brasileiras já são imunizadas logo após o nascimento, por conta de uma determinação do Ministério da Saúde. 

Ainda na maternidade, logo nas primeiras horas de vida, o bebê é vacinado contra a hepatite B e tuberculose (BCG). As demais, fazem parte do calendário nacional de imunização e poderão ser esclarecidas durante a sua consulta com o pediatra. 

2. Como é o processo de queda do umbigo? O que devo fazer antes e depois de cair? 

A queda do umbigo é um processo natural na vida do bebê. Geralmente, acontece entre o sétimo ou décimo quinto dia após o nascimento, ou seja, justamente no período que antecede a sua primeira consulta com o pediatra. 

Para você agir corretamente, a dica é fazer a limpeza do local com água e sabão neutro. A higiene é importante para evitar infecções. Inclusive, saiba que o umbigo pode ter secreções e até sangramento tanto antes de cair quanto com até 10 dias após a queda. Trata-se de um assunto que não pode fugir do seu checklist!

3. Qual deve ser a temperatura correta do banho?

O banho sempre é um assunto que traz dúvidas às mamães de primeira viagem. Basicamente, os bebês devem tomar até dois banhos por dia. Isso porque, um é para limpar a pele e outro com o objetivo de refrescá-lo. 

É importante seguir essa regra, pois muitos banhos contribuem com o ressecamento da pele do recém-nascido, podendo trazer complicações. Nessa hora, outra dúvida vem à tona: qual deve ser a temperatura correta da água? 

Para saber a temperatura ideal, um ensinamento passado de gerações para gerações é muito válido. É um grande ensinamento das vovós, sabe qual? Coloque a face interna do seu cotovelo na água e veja se a temperatura está agradável. Use sabonete neutro e seja rápida para evitar que o bebê sinta frio. Claro, aproveite o momento para estreitar ainda mais os laços afetivos!

4. Bebê pode viajar de avião? 

Muitas mães têm essa dúvida em razão do extremo cuidado com os recém-nascidos e também alimentadas pelo medo do deslocamento. No entanto, a resposta é sim, desde que alguns cuidados sejam considerados. 

Entre eles, podemos citar que a viagem só pode acontecer após o sétimo dia de vida, mas o ideal mesmo é que a viagem aconteça posteriormente os dois meses, período no qual todas as vacinas terão sido aplicadas. A viagem deve ter atendimento preferencial, com cabine pressurizada, assentos individuais na primeira fila e cinto de segurança posicionado para trás. 

Não aceite sedativos e saiba que a criança poderá chorar por conta do fechamento do canal entre o ouvido médio e a garganta. Portanto, o melhor mesmo é evitar uma viagem de avião nos primeiros meses do seu filho, sendo realizada apenas em casos de extrema urgência. 

5. Como posso saber se o peso está adequado?

O peso do bebê é uma preocupação que acompanha o dia a dia das mães, principalmente quando é o primeiro filho. Afinal, a saúde sempre é uma prioridade. Por isso, vale a pena inserir o tema em sua lista de perguntas na consulta com o pediatra.

De modo geral, trata-se de um questionamento adequado e, até mesmo, obrigatório. Aliás, bons médicos pesam e avaliam a estatura do recém-nascido. Trata-se de uma vigilância constante. 

Assim, fique sempre de olho no desenvolvimento do seu bebê e comunique as evoluções ao pediatra para que ele destine as orientações corretas.

6. Quando os dentes começarão a aparecer? 

Que mamãe não quer saber quando vai nascer o primeiro dentinho? A expectativa é grande e gera até uma certa ansiedade, mas saiba que o surgimento varia de bebê para bebê.

Geralmente, os primeiros dentinhos chegam com seis meses, mas podem demorar até um ano. Já a dentição completa deve ser esperada até os três anos. 

Como você pôde perceber, existem inúmeras perguntas para serem feitas na consulta com o pediatra. Mais uma vez, fortalecemos a orientação mais importante: observe o comportamento do seu bebê e leve os questionamentos pessoais sem medo. Assim, o desenvolvimento será saudável e com muito amor! 

E aí, gostou do nosso post? Quer sempre receber novidades do nosso blog? Então assine a nossa newsletter! 

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up