Estética e Cirurgia Plástica

Confira quais os exames necessários para uma cirurgia plástica

setembro 24, 2019
Tempo de leitura 6 min

Fazer uma cirurgia plástica é o sonho de muitas pessoas. Poder mudar algo que sempre incomodou em si mesmo ou até mesmo algo que atrapalha a qualidade de vida é uma sensação maravilhosa. Mas, para que tudo saia perfeito e o resultado seja satisfatório, são necessários alguns cuidados que vão desde a escolha do médico até os exames pré-cirurgia.

As análises solicitadas antes do procedimento são necessárias para que o médico saiba que está tudo certo com o organismo do paciente, e que ele aguentará a cirurgia sem problemas. Por isso, cada exame analisa uma parte e órgão do corpo. Pensando nisso, criamos esse post para explicar um pouco mais sobre os exames para cirurgia plástica. Confira!

Análises sanguíneas

As análises sanguíneas são exames solicitados diversas vezes ao longo da vida. No caso das cirurgias plásticas, elas são necessárias para saber a condição de saúde geral do paciente. Dentre todas o tipos existentes, os mais comuns de serem requeridos são:

Glicemia em jejum

Níveis alterados de glicose no sangue podem colocar a vida do paciente em risco durante a cirurgia, especialmente por conta da anestesia. Além disso, pessoas com glicose muito alta podem desenvolver infecções com maior facilidade.

Hemograma

Nele são analisados os níveis de plaquetas, hemácias e leucócitos. Números muito alterados podem apresentar doenças graves, dessa maneira, a cirurgia não pode ser realizada.

Coagulograma

Esse exame serve para verificar se pessoa tem a capacidade normal de coagulação. A coagulação serve para evitar que haja hemorragia durante o procedimento. Algumas pessoas precisam tomar medicamentos para aumentar a capacidade de coagulação do organismo.

Dosagem de anticorpos

Os tipos lgE total e específicos são os mais comuns de serem solicitados. Eles informam se a pessoa possui algum tipo de alergia e se o sistema imunológico está intacto. Também indica se o paciente está com algum tipo de infecção com reação do organismo naquele momento.

Dosagem de creatinina e ureia no sangue

Essa análise dá a informação sobre a situação geral dos rins. Geralmente, quando há algum problema com esses órgãos, não é possível prosseguir com o procedimento. Se os rins pararem de funcionar os níveis de resíduos no sangue podem ser perigosos e afetar todo o organismo.

Para a realização das análises de sangue é necessário jejum que pode variar entre 8 e 12 horas, dependendo da clínica. Além disso, para que os resultados não sejam afetados, é necessário que o paciente não faça uso de álcool e nem fume por pelo menos 48 horas antes do exame. 

Exames cardíacos

A anestesia administrada durante a cirurgia plástica pode afetar todo o organismo, e, quando o coração não está em boas condições, o paciente pode acabar tendo uma parada durante o procedimento. Para evitar que isso aconteça, são solicitados exames cardíacos, sendo o principal deles o eletrocardiograma, também conhecido como ECG, que avalia a atividade elétrica do órgão.

O eletrocardiograma é um exame rápido, tem duração média de 10 minutos, não necessita de preparo específico e não causa dor. É por meio dele que o cardiologista avalia a velocidade, quantidade de batidas e ritmo, podendo identificar qualquer anormalidade. 

Caso surjam anormalidades podem ser necessários novos exames e dependendo da ocorrência a cirurgia deve ser cancelada. 

Exames de imagem 

Os exames de imagem tem como objetivo principal verificar a integridade dos órgãos e avaliar a região em que a cirurgia será realizada. Eles podem variar de acordo com o tipo de cirurgia plástica e podem ser solicitados um ou mais vezes dependendo do que o médico desejar. A seguir, listamos os principais para cada tipo de procedimento. Confira:

  • mastopexia, mamoplastia de aumento e redução: nesse caso, a cirurgia se concentra na região das mamas. Por isso, podem ser requeridos ultrassonografia das mamas e axilas e mamografia;

  • abdominoplastia e lipoaspiração: neste caso, como a cirurgia é realizada no abdômen, devem ser identificados hérnias, saúde dos órgãos e diástase da parede abdominal. São solicitados ultrassonografia de abdome total e parede abdominal;

  • rinoplastia e rinosseptoplastia: esse tipo de cirurgia requer uma análise completa da face e seios nasais, para isso, podem ser realizadas tomografias. Caso seja necessário ressonâncias também podem ser pedidas.

Geralmente, para a realização de exames de imagem não são necessários preparos prévios. Mas é recomendado seguir as indicações do médico e clínicas onde a análise será realizada.

Exame de urina

Esse exame é solicitado para analisar possíveis infecções e a situação do rim, como mencionado acima, esse órgão deve estar em boas condições para que a cirurgia seja realizada.

Para isso, geralmente são pedidos o exame de urina Tipo 1 ou EAS, onde são observados aspectos macroscópicos como odor e cor, e microscópios como leucócitos, hemácias, cristais, microorganismos e células epiteliais. Além disso, também podem ser verificados a densidade, o pH e a presença de outras substâncias na urina como glicose e proteínas.

Com esse exame, o cirurgião plástico também pode requisitar a urocultura, que é uma análise microbiológica com o objetivo de verificar a existência de microorganismos causadores de infecções. Caso o paciente tenha alguma infecção, é realizado o tratamento adequado para evitar complicações durante a cirurgia.

Quando os exames devem ser realizados?

O ideal é que os exames para cirurgia plástica sejam feitos em até 3 meses antes da intervenção. As análises de sangue, urina e cardíaco pode ser realizado mais próximo da data do procedimento.

Como podem haver alterações em curtos períodos de tempo, não é recomendado fazê-los com mais de 3 meses de antecedência, caso isso aconteça, eles devem ser repetidos. Dependendo dos resultados, podem ser solicitados novos exames, além de consultas com outros especialistas para que qualquer pendência possa ser resolvida.

Como são exames de extrema importância para que saia tudo bem durante e depois da cirurgia, é essencial que sejam realizados por clínicas de confiança e que tenham qualidade em seu trabalho. A Partmed, por exemplo, realiza os mais diversos tipos de análises, além de contar equipamentos novos, espaços confortáveis e equipes preparadas e especializadas.

E aí, o que achou do nosso conteúdo sobre os exames para cirurgia plástica? As informações foram úteis? Aproveite e entre em contato conosco para que possamos ajudar a encontrar a melhor solução para você.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up