Saúde da Mulher

6 sinais de que você precisa fazer terapia!

fevereiro 22, 2019
Tempo de leitura 6 min

Com a correria do dia a dia, nem sempre damos a devida atenção ao que sentimos e, muitas vezes, só procuramos ajuda especializada quando nos encontramos em uma situação grave. No entanto, quem se preocupa com a saúde deve prestar atenção aos sinais que indicam a necessidade de fazer terapia.

A consulta com o psicólogo é recomendada não só para quem está com um problema emocional aparente, mas também para todas as pessoas que desejam se conhecer melhor e buscar equilíbrio em qualquer campo da vida — seja pessoal, seja profissional.

Neste post, entenda a importância da terapia e descubra quais são os seis sintomas que indicam o momento de procurar o auxílio de um profissional.

Por que fazer terapia?

Fazer terapia pode ser comparado a praticar exercícios físicos ou alimentar-se da forma correta a fim de alcançar o bem-estar físico. Desse modo, a finalidade do acompanhamento com um psicólogo é buscar auxílio para recuperar ou preservar a saúde da mente, isto é, o bem-estar emocional.

Por esse motivo, muita gente faz terapia durante vários anos ou até mesmo por toda a vida. Isso não significa que a pessoa tem um problema grave. Ela pode frequentar as sessões simplesmente para aprender a lidar com as dificuldades do dia a dia e aumentar a sua qualidade de vida.

Mas é claro que também há casos extremos que exigem ajuda especializada com urgência. Do contrário, até mesmo a saúde do nosso corpo pode ser afetada. Alguns dos sinais de que é preciso fazer terapia são ansiedade e tristeza intensa e frequente, medo que impede a tomada de decisões, uso recorrente de substâncias para aliviar algum sentimento negativo.

É importante ressaltar que a procura por ajuda psicológica ainda no início do problema aumenta as chances de encontrar uma solução mais rapidamente. Além disso, a falta de apoio profissional agrava a situação e torna a recuperação mais lenta e difícil.

Em outras palavras, pessoas que vão ao terapeuta logo quando se sentem angustiadas, desmotivadas ou tristes tendem a notar os efeitos do tratamento mais rapidamente, enquanto aquelas que tardam a procurá-lo prolongam o sofrimento e dificultam a sua resolução. Por isso, a recomendação é jamais adiar a ida à clínica diante de qualquer indício de que há algo errado com você.

Quando procurar a ajuda de um psicólogo?

A ajuda psicológica deve ser procurada por qualquer pessoa que queira entender e lidar melhor com as suas emoções para melhorar a sua qualidade de vida. No entanto, alguns casos requerem urgência, devido à gravidade da situação.

Se não forem devidamente tratados, os problemas de ordem emocional podem afetar a nossa saúde física. O estresse, por exemplo, pode provocar dores de cabeça, resfriados, doenças crônicas no estômago e perda do desejo sexual.

Confira, a seguir, alguns dos sintomas que indicam a necessidade imediata de fazer terapia.

1. Suas emoções são intensas

Todo ser humano se sente triste ou fica nervoso diante de determinadas situações nas diferentes fases da vida. Apesar disso, é preciso prestar atenção na intensidade e frequência das suas emoções. Quando os sentimentos paralisam e causam danos, eles devem ser investigados.

Quem deixa de procurar apoio pode desenvolver ansiedade e ter dificuldade para tomar decisões importantes por medo ou pânico. Isso acontece porque alguns indivíduos têm uma percepção equivocada em relação a um acontecimento e passam a enxergá-lo como algo muito maior do que realmente é.

2. Você tem pensamento fixo em traumas

Um acidente, uma perda, uma separação são eventos que marcam as nossas vidas e podem nos deixar traumatizados. Se, ao longo das semanas ou mesmo meses, você se der conta de que não para de pensar nesses acontecimentos, é necessário recorrer ao psicólogo.

Na verdade, muitas vezes o acompanhamento precisa ser iniciado de imediato nessas situações. As sessões vão ajudar o paciente a lidar com o problema de modo a amenizar o seu sofrimento e dissipá-lo o mais rápido possível dependendo de cada caso. Portanto, não deixe de fazer terapia se o evento estiver atrapalhando a sua vida.

3. Você se sente desmotivado

A falta de motivação diária deixa a gente cada vez mais triste e desconectado das pessoas e dos acontecimentos. Quando estamos desmotivados, perdemos o interesse pelas pessoas, pelo trabalho e até mesmo pelas atividades de que mais gostamos.

Inclusive, a desmotivação pode ser um indício de depressão. Pessoas que dormem demais e não querem sair da cama quando acordam também podem estar depressivas. A terapia é fundamental para descobrir a razão do problema, bem como a sua solução.

4. Seu humor varia constantemente

Um dia você está muito feliz, no outro extremamente triste. Se isso acontece com frequência, é preciso examinar a causa da variação de humor. Em muitas situações, o paciente é diagnosticado com algum tipo de transtorno emocional. Apenas o terapeuta poderá descobrir qual é o problema e como tratá-lo.

5. Seu rendimento no trabalho está muito baixo

De uma forma ou de outra, os problemas pessoais acabam interferindo na vida profissional. O contrário também pode acontecer. Quando não estamos bem, perdemos a atenção mais facilmente e temos dificuldade para nos concentrar nas nossas atividades.

A situação tende a se agravar quando o rendimento no trabalho cai por um longo período, o que pode colocar em risco o próprio emprego. Nesse caso, fazer terapia pode ser a única maneira de solucionar as questões emocionais para encontrar um rumo para a vida pessoal e profissional.

6. Suas relações estão difíceis

Nenhum evento novo aconteceu, mas, ainda assim, você está com dificuldades para se relacionar com o seu parceiro ou sua parceira? Anda impaciente com os seus filhos? As brigas em casa estão cada vez mais frequentes? Qual é a razão para o desgaste nas relações?

Muitas vezes, nem mesmo a gente sabe compreender o que está sentindo ou identificar as próprias emoções. Esse é um bom momento para se conhecer melhor, mudar o comportamento e ampliar os horizontes. Nesse sentido, o apoio profissional será fundamental para melhorar a sua relação com o outro.

Como você pôde perceber, a procura por ajuda psicológica é indicada não só para quem tem um problema emocional grave, mas também para todos os indivíduos que buscam lidar da melhor maneira possível com as dificuldades diárias. Portanto, qualquer pessoa pode — e deve — fazer terapia.

Agora que você já sabe quando buscar o auxílio de um terapeuta, conheça a rede de franquias de clínicas médicas da PartMed e agende a sua consulta já.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up